Língua

Essa lingua que me pariu e que eu não me acostumei a escrever com, como é interessante que eu não valorize aquilo que me é intrínseco.

O problema de escrever em português pra mim é ter que ficar colocando esses acentos, e mais importante, o fato de minha mente ficar se atentando para construir um texto cada vez mais bonito e formal, sempre a procura de palavras mais precisas e rebuscadas.

A frustração de forçar a mente em uma direção e não receber a resposta adequada, por falta de vocabulário é entristecedora. Mas não é desculpa, tanto é que escrevo em nativo agora.

Basta um puxão, um empurrão de alguém próximo para que tomemos atitudes simples que podem mudar muita coisa em nossas vidas.

Acredito que coisas simples por natureza, não aquelas que são simplificadas para além de sua natureza, são muito valiosas e trazem grande conhecimento e força. Aquele que rebusca demais suas ações, pensamentos e conceitos, vai além do necessário e desperdiça tempo valioso.

Advertisements
Standard

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s