Questionamentos

Por que a gente se tranca entre quatro paredes? Por quê pintamos elas de branco?
Por que o ar que nos rodeia deve ser artificialmente climatizado?
Por que para produzir tecnologia temos que estar em ambientes controlados, totalmente modificados, alheios à natureza?
A tecnologia não é, antes de mais nada, uma tentativa de imitar a natureza? Recriar o que já existe de forma que o homem tenha total controle sobre o mundo digital, e esse por sua vez emule todas as características do analógico, com a esperança—ou pelo menos intenção—de superar, oferecer mais funcionalidades, mais controle do quê o que a natureza nos provê?

Por quê o ser humano é tão antinatural? Por quê tudo que fazemos é tão diferente da natureza? Ou será que somos que nem as formigas, cupins, abelhas… Mas só que com roupagem e escala diferentes?
Questionamentos da alma.
Por que a música encanta tanto?
Ele passa por todos os tipos de tecnologias, desde o mais analógico até o mais digital e sempre encanta.
Deixa transparecer o que há de mais natural e orgânico no ser humano, por meio de toda eletricidade e tecnologia.

Por eu preciso me trancar para produzir? Para ter resultados? Para me controlar, ter rotina, criar hábitos. É muito difícil entender o ser humano. Entender a mim mesmo.

Tudo produzido pelo ser humano é quadrado, angular, matemático, medido, projetado.

E a permacultura? E a arte? A arte como objetivo de usabilidade é inútil. Tudo que é útil é feio. É quadrado. Tudo que é bonito é inútil, sem arestas, orgânico.
Na natureza não existem quadrados. Não existem ângulos retos.

Advertisements
Standard

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s