Learn to be alone

Muitas vezes eu me sinto guilty to be alone, because I don’t want to be alone all the time, and I spend too much time alone at home.
To deliberately take a time for yourself in very health. You’ll learn to be comfortable on your own skin. To be good by yourself. To have fun with yourself.
You’re with yourself all the time. 24/7. You gotta learn to be OK with that. To be complete in your oneness.
Of course, now that I’ve spent this time with myself, I’ll be more comfortable and chill around others, def a better company. It’s a cycle. It’s all about balance.
Some time at home, some outside. Some with others, some with yourself. Some work, some trouble, some fun.
Sobriety, drugs. Reflexão, ação. Contemplação, imaginação. Movimento, pausa.
All balanced.

Standard

Balance

Eu já sai da minha casa, do meu quarto, mas faltava sair de dentro de mim mesmo, somente para coletar o que há lá fora e renovar o que há por dentro.
Eu devo repetir esse movimento constantemente. De balanceamento de atenção. Tudo pode ser treinado. Mente. Atenção. Imaginação. Corpo. Postura. Força. Músculo. Stretch.
90 segundos de tensão: É o que o Tim Ferriss falou.
Basta isso pra aumentar sua força e resistência em qualquer coisa.

Standard

Reflexões sobre a infância

“By changing your physiology, you change you’re psychology” – Tony Robbins.

Once you let your imagination flow, you’ll see whatever’s in buried inside your subconsciousness.

When I looked at clouds long enough to stretch my imagination I saw a bunch of cartoons from my childhood, dragon ball, pokemon, video-games, rpg… meus sonhos infantis.
Coisas que eu não tinha mas meus amigos tinham e eu morria de inveja. Queria tanto ser igual a eles. Eles pareciam tão felizes e satisfeitos com o que tinham. Falavam tão bem e com tanto entusiasmo de suas experiências.
Hoje eu não gosto mais do quê meus amigos de infância gostam. Agora que eu tenho acesso aos recursos percebi que eu sou diferente. Gosto de coisas diferentes. Parecidas, mas diferentes.
Culinária, alguns filmes, música, cartoons adultos, youtube, blogs e livros de self-improvement.

You are sitting on the pot of gold. Você só tem que se tocar disso.

Standard

Maconha

Olhando para vegetação de um lugar você aprende muito sobre aquela região. E a vegetação modificada conta a história daquele povo.
Há um tipo de maconha pra cada terreno, cada vegetação.
Esse cara aqui sabe tudo sobre isso. É um verdadeiro guru e monstro do mundo da maconha. The strains hunter. King of cannabis. Estirpes de maconha. Ele vai na áfrica e encontra estirpes que nascem ao léu. Naturalmente. Basta encontrar uma estirpe que se adapta perfeitamente ao nosso solo semi-árido, que é natural dessa região, que gosta dessa região. Pesquisar.
Tem gente chamando a liberação da comercialização de maconha recreativa de “the green rush” em alusão ao “gold rush” que simboliza a descoberta de uma área rica nesse minério ainda não explorada.
Basta olhar esse documentário pra abrir os olhos e ver as possibilidades.

A maconha é um mercado gigantesco, cheio de possibilidade e clientes. Os estados americanos que descriminalizaram a comercializam e o consumo deste produto estão sentindo o impacto positivo na coleta de impostos. E os empreendedores que apostaram nessa ideia estão enchendo seus bolsos com dinheiro verde!
Nos anos trinta Al Capone se tornou um dos maiores e mais cruéis gangsters da história dos EUA, comercializando whisky. O que hoje é sinal de status e riqueza, naquela época causou muitas mortes e tristeza.
Por que? Simplesmente porque era proibido. As pessoas não vão parar de consumir uma droga só porque ela foi proibida. O tratamento pro vício é interno, não externo, através de leis e força bruta. Deve nascer de dentro do viciado.
Proibir só piora as coisas.
As únicas pessoas que tem coragem de competir contra a força do estado são aquelas que têm poder suficiente para combatê-lo. Tipo Pablo Escobar, que tá na moda agora. Seja em estratégias políticas— subornos, propinas, acordos— seja na força bruta— armamento, ameaças e assassinatos.
É isso que ocorre em qualquer favela onde o tráfico é a principal força econômica da comunidade. É isso que acontece com qualquer atividade ilícita no mundo. Quem tem grana, cara de pau e poucos escrúpulos, mete as caras, e quem paga é a sociedade.
Pessoas fortes e com poder quebram as leis de todas as maneiras possíveis para suprir sua cobiça insaciável, e a clientela faminta que só cresce e fica cada vez mais exigente.

Você tem medo de quem te vende whisky hoje em dia? Você imagina que o cara que fabrica, transporta ou comercializa aquela garrafa bonita e cara seja capaz de matar alguém só pra garantir sua chance de se amostrar numa festa?
Acredito que não.
O que mudou de Al Capone pra Johnny Walker? Simplesmente a proibição.
Acordem. Está na hora de deixar todas as concepções retrógradas pra trás. Aprender com o passado, com os erros e acertos dos outros. Entender a natureza humana e viver em harmonia com nossos instintos.
Não há lei no mundo capaz de inibir a natureza humana.

Standard

Be real, be confident and be open.

We are the sum of our internal and external energy.

“There are more things in heaven and earth, Horatio,
Than are dreamt of in your philosophy. “
– Hamlet by Shakespeare.

There’s so much more than what we can see going on. We have limited senses. But we have extensive feeling. And we should nourish them. Learn how to use them, understand and listen to them.
We should understand there’s much more going on than what our limited senses can tell us.
Interact with your surroundings. Be part of the community. Exchange with the fellow humans.

Look into the horizon and aim there. That’s what I call planning. Always beware of the greater things in life: clouds, mountains, trees… they’ll make you calmer, the’ll show you how small you are, and so are also your problems.
Your little conjunto-de-quatro-paredes-caiadas, o pequeno prédio onde você mora, suas dívidas… A vida de um solteiro. The single solitary human being living by himself that you are.
There’s much more than that. Life is much greater, larger, awesomer than that. And you are larger than life. You see beyond. You see through and inside. You know the means, the meanings and reasons. The possibilities and the realities.

“Você tem as respostas das perguntas
Resolveu as equações que não sabia
E já não tem mais nada o que fazer a não ser verdades e verdades,
mais verdades e verdades para me dizer, a declarar!

“Tudo o que tinha que ser chorado já foi chorado
Você já cumpriu os doze trabalhos
Reescreveu livros dos séculos passados
Assinou duplicatas, inventou baralhos…

“Passeou de dia e dormiu de noite
Consertou vitrolas para ouvir música
Sabe trechos da Bíblia de cor
Sabe receitas mágicas de amor…”
– Raul

Standard

Criatividade

There’s only so-many-things that are unlimited. Duas delas são a energia e a criatividade.
Quanto mais você gasta, mais você tem.

Ah, e a criatividade é só uma escolha. Um outlook on life. One perspective. One choice you make to see things differently. To force your mind to work deliberately on a different pattern, frequency, wave.

Tu não gosta de olhar pra uma tela e ver coisas se mexendo nela? Se transformando, mutando… uma série de imagens estimulantes, pixels flamejantes, cheios de cores e movimento— estímulos visuais aliados ao som.
Pois bem, use as nuvens como sua TV. A mente de uma criança é melhor coisa que existe. Quando crescemos aprendemos a ter vergonha dela, mas o certo é abraçá-la.
Você pode ver o que quiser nas nuvens— So in your life as well.
É certo que as substâncias facilitam esse processo de alteração do estado mental, mas quando você era uma criança nada disso era preciso. Você era rico em paz, energia e tempo.
“O corpo é a mente.” – Elliott Hulse.
Change the body and you’ll change the mind. Control one, you’ll control another.
Get the energy out of your head and you’ll see how much energy you had stored there.
All of that mind stimulation you like—games, videos, internet…—are energy trapped inside eager to be expanded, to be used, to go out.
Change the environment and you’ll change your thoughts and action patterns. You’ll get out of the automatic mode. The auto-pilot.

Standard

Olhe sempre pro horizonte

You gotta always look up to the future. Beyond the mountains, there’s Mordor. Minas Gerais é o Condado. Home is Condado.
You are a hobbit. There’s an adventure calling you. But you have fear and anxiety. You like comfort and food. Predictability, repetition and routine. Easy-living, easy-going;
Going beyond the mountains is going on an adventure.
To leave your home and experience the road is going on an adventure.
Is rediscovering yourself. Is growing stronger and larger.

The mountains are your vision reach, your magic perimeter, comfort zone. Which direction should I choose? Go for the water. Look where there’s water. Where there’s plantations, agriculture, there’s wealth.

Standard