Percebe como tudo é uma letra?

Cada texto é uma letra.
A letra da tua música que compõe a tua vida.
A música que tu compõe da construção da tua vida.
Do que tu quer fazer da tua vida.
Da tua letra arrastada e mal escrita, rabiscada num bloco de borrões, feito de impressões desinteressantes, de versões da tua vida passada.
Contadas por um Otávio de outrora.
Otávio que não se tornou tão self-aware, que perdeu o fio da meada, que perdeu o vínculo com a realidade.
De ser.
De pensar.

No dia em que houve vida, desvi.
Não à encarei, não à cortejei.
À ignorei.
Só sei que nada sei.
O que é certo?
O que é errado?
Só a experiência nós dirá.
Quem não experimenta — ciência — nunca será.
Pois aquele que acredita, sem nunca testar, esse nunca saberá.
Nunca será.
Nunca saberá onde pastar.
Nunca saberá.

Anúncios
Standard

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s